Dilma e Obama debaterão igualdade de gênero

17/02/2011

 

A presidente Dilma Rousseff e o chefe de Estados americano, Barack Obama, incluirão assuntos relativos à promoção da igualdade gênero em seu encontro em março. “A ideia é fortalecer e ampliar a cooperação na área da mulher”, disse um porta-voz, depois de uma reunião em Brasília entre a ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Iriny Lopes, e a embaixadora especial para Assuntos da Mulher Americana, Melanne Verveer.

Obama virá ao Brasil nos dias 19 e 20 de março. Pela programação, ele estará em Brasília no primeiro dia, e irá ao Rio de Janeiro no segundo. O encontro com Dilma será o primeiro depois da posse da presidente. Os dois estiveram juntos quando ela era ministra da Casa Civil do governo Lula, em Washington, durante a 4ª Reunião do Fórum Brasil-Estados Unidos de Altos Dirigentes Empresariais, na Casa Branca.

A funcionária americana – terceira autoridade do governo Obama a visitar o Brasil neste ano – chegou ao País para fortalecer a troca de experiências em assuntos relativos à mulher e à igualdade de gênero. Anteriormente, estiveram no Brasil o secretário do Tesouro, Timothy Geithner, e o secretário de Estado adjunto para Assuntos Econômicos, Energéticos e Comerciais, José Fernández, que também trataram de temas que serão discutidos por Dilma e Obama.

Segundo a Secretaria de Políticas para as Mulheres, Iriny e Melanne decidiram nesta quinta-feira ampliar um memorando de entendimento assinado em 2010 pela secretária de Estado americana, Hillary Clinton, e pelo exchanceler brasileiro Celso Amorim a fim de fortalecer a cooperação bilateral na área das mulheres. O objetivo é “eliminar a discriminação contra a mulher e alcançar uma igualdade plena de gênero”, segundo um comunicado da secretaria.

Além disso, Melanne ofereceu 10 bolsas de estudos para pós-graduação em universidades americanas a jovens pesquisadoras brasileiras dedicadas às áreas de engenharia, matemática, física e informática. Melanne também disse estar “impressionada” com o fato de Dilma ser a primeira mulher a chegar à Presidência no Brasil, o que considerou “muito importante” para que País avance rumo a uma verdadeira igualdade de gênero.

Durante sua estadia no Brasil, que termina na sexta-feira, Melanne visitará uma delegacia que atende exclusivamente casos de violência de gênero e irá a Pernambuco, onde se reunirá com representantes de grupos não-governamentais e empresários.

Fonte

Anúncios

Sobre nemge

O NEMGE é órgão da Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade de São Paulo. Visa aprofundar, através de pesquisa empírica e estudos teóricos, as articulações entre gênero, etnia e classe social, especialmente no Brasil e na América Latina.
Esse post foi publicado em Notícias, Política e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s