Casal gay processa Burger King por homofobia e recebe US$ 3,5 milhões

01/03/2011

A rede de lanchonetes Burger King foi condenada a pagar a quantia de US$ 3,5 milhões, o equivalente a R$ 5,2 milhões, a um casal gay vítima de homofobia por funcionários da loja.


A agressão, ocorrida no Estado de New Jersey, nos Estados Unidos, começou quando Peter Casbar, de 43 anos, e Noel Robichaux, de 46 anos, estavam fazendo os pedidos e perdurou mesmo depois deles saírem da loja.

O gerente e funcionários do local perseguiram o casal, que relatou ter sido espancado e cuspido, enquanto o grupo proferia palavras de ódio.

Fonte

Anúncios

Sobre nemge

O NEMGE é órgão da Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade de São Paulo. Visa aprofundar, através de pesquisa empírica e estudos teóricos, as articulações entre gênero, etnia e classe social, especialmente no Brasil e na América Latina.
Esse post foi publicado em Notícias, Violência e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s